Como melhorar o desempenho da equipe definindo metas e objetivos semanais

Atualizado: 5 de abr. de 2021

Ninguém consegue comer um bife inteiro de uma vez só. É preciso dividi-lo em partes menores. Essa analogia simples permite que os gestores lembrem que nenhuma equipe pode atingir um grande objetivo facilmente sem definir metas. Por sua vez, as metas precisam ser fatiadas, divididas em pedaços.


Para fazer um bom uso do potencial dos colaboradores, o gestor encarregado de liderar tem a responsabilidade de criar metas razoáveis e na quantidade adequada para sua equipe, se desejar que seus resultados melhorem. Veja a partir de agora porque é bom que os as metas e objetivos sejam fracionados.



Definir metas temporais


Faz parte do estabelecimento de metas a definição do tempo que cada etapa precisa para ser finalizada. Fracionar os objetivos mensais em metas semanais ajuda os componentes da sua equipe a se sentirem mais motivados, porque conseguem perceber evoluções, mesmo que pequenas, e assim, seguem trabalhando em busca de alvos maiores.


Para definir suas metas semanais é preciso ter alguns fatores em mente. O primeiro é compreender a situação pelo qual a sua organização está passando no momento. Para isso, faça levantamentos de números que já estão sendo alcançados, avalie os pontos de desenvolvimento das equipes e descubra o que melhorar. Ouça a sua equipe. Participe dela. Acolha o feedback que elas retornam.


O detalhamento das metas é o mais importante. Não é suficiente apenas reunir os colaboradores e dizer: “nosso objetivo é aumentar nossas vendas”. Isso não diz absolutamente nada. É muito vago. Em quanto as vendas devem ser aumentadas? Em quanto tempo? Quem será o responsável por cada etapa? Quais as ferramentas para isso? Esses detalhes precisam ser reforçados e compreendidos por todos na equipe.


Estabeleça metas semanais plausíveis. Afinal você, gestor, não deve gastar tempo e recursos financeiros em metas impossíveis de alcançar. Isto traz resultados danosos para sua organização e sua equipe.


Se você vai fracionar as metas em etapas por semana, faça também reuniões semanais de acompanhamento delas. Ofereça oportunidades de desenvolvimento para todos os envolvidos no trabalho. Recompense-os pela motivação e o empenho. Todas as pessoas gostam de ser premiadas pelo esforço. Não é exagerado promover uma pequena comemoração a cada passo atingido.


Essas reuniões semanais devem favorecer o envolvimento de todos na equipe. Elas também devem servir para explicitar o que cada membro da equipe pode fazer, visando o alcance completo do objetivo final. Também, as reuniões servem para deixar claro o que cada setor deve fazer, especificamente. Isso colabora para tornar as metas claras e atingíveis.


No final de cada semana, revise com sua equipe as metas estabelecidas. Procure analisar os pontos positivos atingidos no período e os negativos, aqueles não atingidos. Procure traçar os ajustes com base nessa análise. Faça isso com cuidado, sem desmerecer o que já foi conquistado.


As metas precisam ser mensuráveis. Use números. Se a meta para uma semana era um crescimento de 10%, mas os números apontam apenas um aumento de 5%, já se tem uma base para estudar o que houve de errado e como melhorar. Se forem usados números e porcentagens na hora de se definir as metas, os colaboradores já desenharão para si próprios o caminho a tomar.


Não se esqueça de ficar atento ao cronograma. Como todos os dias muitas tarefas diferentes aparecem, equilíbrio é fundamental. Reforce com seu time a necessidade de ser fiel aos prazos estabelecidos previamente

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo